#INDICALIVROS – 2ªed.: COLEÇÃO CORDEL – AUTORES

 Mais uma edição
do IndicaLivros, hoje com a Coleção sobre Autores de Cordel que eu emprestei da
biblioteca e achei realmente os dois de uma grandeza e simplicidade infinita, muito bons para indicá-los aqui. Para quem gosta desta literatura e
ainda não teve a oportunidade de ler estes livros, irá achá-los muito bons,
isso porque realmente o são. Naturalmente que estive lendo muito sobre o
assunto porque se trata do tema para minha monografia que apresentarei ao final
deste semestre. Mas curiosidades de a parte, a Literatura de Cordel apresenta
diversas temáticas, e por se tratar de uma literatura popular, é possível
conhecer o nosso Brasil lendo os folhetos coloridos, e além, podemos entrar em
um mundo e vivenciar as alegrias e tristezas que os autores nos passam em cada
sextilha apresentada, e isso tudo sem perder o bom humor. Não percam tempo,
venham conhecer o Cordel e espalhe-o para os demais. 

CORDEL – PATATIVA DO ASSARÉ

O que faz a força e o sabor da poesia de Patativa do Assaré é o vínculo existente entre o poeta, o sertão e a cidade. Seu canto nasce da matéria cotidiana, com seu labor, suas alegrias e seus sofrimentos. Esta edição de trata de uma antologia de seus poemas e estudo introdutório à sua obra.

Um poeta popular de destaque, Patativa do Assaré tornou-se um personagem-chave do panteão nordestino. É bem grande a afeição dos sertanejos por ele, assim como a quantidade de cordéis escritos em sua homenagem. A Coleção Cordel é composta por títulos referentes a cinquenta poetas populares de destaque, realizados por estudiosos do Brasil e do exterior, que têm por objetivo homenagear e difundir a literatura de cordel brasileira, ainda em boa parte desconhecida do grande público.
O livros conta a história de vida de Patativa, sua aproximação com a literatura, as apresentações de suas obras, tudo de forma singela denotando a simplicidade desses autores que fizeram a cultura nordestina um marco de engrandecimento para esta literatura vir a se tornar uma rica fonte de expõe as mazelas sofridas por este povo, seus ideais e pensamentos.

CORDEL – Minelvino Francisco silva

A literatura de
cordel no Brasil passou por um longo período de desconhecimento e desprezo.
Países onde a produção popular de versos é mais sabiamente acolhida, já
produziram ícones literários de alcance internacional, como é o exemplo de
Martín Fierro, na Argentina. A coleção ‘Biblioteca de Cordel’ tem por objetivo
divulgar a literatura de cordel no âmbito nacional. Este volume traz o autor
Minelvino Francisco Silva.

A literatura de cordel no Brasil passou por um
longo período de desconhecimento e desprezo. Países onde a produção popular de
versos é mais sabiamente acolhida, já produziram ícones literários de alcance
internacional, como é o exemplo de Martín Fierro, na Argentina. A coleção
‘Biblioteca de Cordel’ tem por objetivo divulgar a literatura de cordel no
âmbito nacional. Este volume traz o autor Minelvino Francisco Silva.

Em
ambas as obras, são apresentadas algumas das histórias muito conhecidas de cada
autor, como: A Flecha de Cupido Traspassou dois CoraçõesAparição de N. Senhora das Dores e a Santa Cruz
do Monte Santo
 de Minevilno e História de Aladin e a lâmpada maravilhosa e o padre Henrique e o dragão da maldade de Patativa do Assaré.
Se você gostou post, ajude-me a divulgar, compartilhando nas redes sociais. Basta subscrevê-lo ali no canto da direita. :*

Sobre a Autora

Rate this post
Compartilhe este post