Oficina: Tertúlia Literária e Teatro de Sombras na Escola

    No meu último semestre na universidade, tive uma disciplina de estágio em aplicação de projetos escolares. Eu e o meu grupo pensamos em levar a leitura como incentivo aos alunos de 6° ano, que tem uma certa dificuldade e um certo bloqueio/recusa para leitura. E decidimos usar a tertúlia literária como meio de trabalhar com livros que fizessem os alunos terem interpretações e que a partir delas fosse feita uma adaptação para um vídeo produzido por eles. Nesse vídeo, as adaptações seriam feitas de acordo com a representação da método interpretativo que cada um teve. Assim, levamos textos desconhecidos por eles, (O título do livro era: Como nascem as estrelas, de Clarice Lispector) e fizemos uma roda de discussão para que todos pudessem compartilhar a sua visão obtida com a leitura realizada. O objetivo da tertúlia é fazer justamente uma socialização das interpretações pessoais feita sobre uma obra.
Uma coisa que ajudou muito, foram os textos. No livro de Clarice, Como nascem as estrelas, a autora traz textos feitos para as crianças, com temáticas que abordam as lendas, cheias de cultura e tradições brasileiras. Com uma linguagem simples e ações fantásticas dentro dos textos, houve maior aceitação e a colaboração foi assegurada na hora dos debates.
   O Teatro de Sombras era uma atividade que os alunos também desconheciam. A medida que tomaram conhecimento de como seria desenvolvido a etapa final da oficina, eles participaram efetivamente na confecção dos personagens que seriam manuseados no momento da gravação do vídeo que retrataria a lenda “O pássaro da sorte” que foi o que eles escolheram para trabalhar.
   A Oficina conseguiu alcançar seus objetivos, levou a leitura, trabalhou as opiniões, utilizou as interpretações dos alunos, incentivou a criatividade e a criação do vídeo foi uma brincadeira que elevou o conhecimento e a participação de todos os discentes envolvidos.
   Este já é o meu segundo trabalho com o Teatro de Sombras. É uma forma de trabalhar muito diferente e bem motivadora para o desenvolvimento motor e criativo da criança. Eu simplesmente adoro mídias e o vídeo é algo que todo educador deve dispor em sua aula. Eles vão curtir muito! Confesso que dá um pouquinho de trabalho organizar tudo, e o processo das filmagens geralmente vira uma bagunça. Mas é sempre uma oportunidade de fazer com que os alunos trabalhem em grupo, criem, e expressem sua visão de uma maneira distinta da que os professores esperam. É muito bom!

Dá uma olhada no slide de apresentação da nossa Oficina:

Oficina de Tertúlia Literária na Escola e Teatro de Sombras from Fabyely Kams

Ficou interessado e quer ver o vídeo encenado e narrado pelos alunos?
Então clique aqui e veja como ficou bem divertido.

Gostou? Desse post? Então compartilhe. e Divulgue a fan page do blog: Clicando aqui

Sobre a Autora


Rate this post
Compartilhe este post