A Política no povo Brasileiro

O povo se constrói a partir da sua visão ideológica. Essa é uma
afirmativa muito bonita na teoria, contudo, é claro que muito se percebe a
ausência desse fator no povo brasileiro, mas creio que ainda há muito para se
enxergar. Por que estou falando isso?

Bom, a ideia surgiu por meio da intencionalidade discursiva que
possa me ajudar a expressar melhor minha opinião entre as pessoas, ou
naturalmente, que alguém saiba o que penso a respeito dessa política que nos
rodeia. No entanto, a questão principal é falar acerca dessas atitudes humanas,
ou (des) atitudes que ocorrem no cotidiano.
Voltando para o foco central, sabe-se que o brasileiro não
constitui uma nação que corre atrás dos seus direitos, estou falando daqueles,
os quais não lutam para fazer sua própria defesa – a do coletivo- ou que não
buscam explicações de possíveis falcatruas que sujem (ou sujaram) seu nome (e
de todos). Mas quanto ao direito a bolsas-salários, família, gás, combustível… até
bolsa-internet daqui a pouco entra para o pacote, isso é ”solução”. O
incrível é que a democracia que se diz avançada, temos como exemplo, essa
biometria que surgiu como um novo método para que não haja dados errôneos no
momento da eleição…temos na democracia em si, na realidade não acontece. Cadê
o povo que não se mobiliza para ir contra uma prefeitura que está pensando em
fechar uma biblioteca comunitária que atende inúmeros bairros, para locar no
prédio com atividades que poderiam ser realizadas em outro ambiente, ou pessoas
para atender e verificar a realidade dos interessados nessas inúmeras bolsas
que o Governo libera? Não vejo!
O brasileiro é conformado, cabisbaixo, aceita o que lhe der, mas
gosta de sair no lucro. E este ‘lucro’ inclui educação de péssima qualidade,
saneamento precário, prestação de atendimento médicos péssimos, instituições
públicas caindo aos pedaços, e por aí vai. Acontece que o Governo aos olhos do
povo, faz seu papel na sociedade no momento em que distribui dinheiro para que
tudo fique esquecido, à espreita.
Fico pensando no contexto da famosa música de Renato Russo e
compreendo a sua indignação, o que mais ainda falta para acontecer? QUE PAÍS É
ESSE???

Sobre a Autora

Rate this post
Compartilhe este post